Notícias

HSI atinge a expressiva marca de 100 mil procedimentos realizados no Serviço de Hemodinâmica

Terça, 09 Maio 2017

HSI atinge a expressiva marca de 100 mil procedimentos realizados no Serviço de Hemodinâmica

O 05 de março de 2017 será lembrado como uma data histórica para o Serviço de Hemodinâmica e Cardiologia Intervencionista do Hospital Santa Izabel. É que o corpo médico, juntamente com a diretoria do Hospital, comemorou a marca de 100 mil procedimentos realizados desde a sua criação, em 1974.  Considerado um dos melhores do Brasil, o serviço de cardiologia do HSI é referência em procedimentos cardiológicos, e, atualmente, é o terceiro no Brasil em número de estudos hemodinâmicos (cateterismos cardíacos).

Roberto Sá Menezes, provedor da Santa Casa da Bahia, destaca que esta conquista reforça o pioneirismo da entidade na área de Cardiologia. “É importante parabenizar toda a equipe envolvida neste feito e ao longo de todos estes anos de trabalho na área de Hemodinâmica do Hospital Santa Izabel. Certamente, estamos qualificando o hospital para oferecer serviços cada vez melhores para a população”.

O cardiologista Heitor Ghissoni de Carvalho, que dá nome ao Serviço e que foi o fundador da iniciativa no Hospital, ressalta que a marca alcançada reflete a expertise e o investimento do HSI no setor de cardiologia. “Quando criamos o Serviço de Hemodinâmica, em setembro de 74, as condições eram de recursos modestos. Iniciamos o trabalho e, desde o início, apostamos no nosso potencial inovador. Fomos ganhando corpo - não só a Hemodinâmica, como todo o setor de Cardiologia – e deixamos de realizar procedimentos puramente diagnósticos para também fazer o tratamento das doenças cardíacas”, explica.

“Tivemos a capacidade de acompanhar rapidamente a evolução da cardiologia e, aos poucos, nos estabelecemos pela experiência. Hoje, o que faz o nosso diferencial é a equipe, que tem expertise tanto nos procedimentos, quanto no cuidado pós intervenção”, salienta Ghissoni.

José Carlos Brito, cardiologista diretor do Serviço de Hemodinâmica, também comemora a marca dos 100 mil atendimentos com toda a equipe. “Com certeza precisamos expressar nossa felicidade em estar alcançado essa marca com toda expressividade da qualidade do serviço que prestamos. Esse número, que poucas equipes de cardiologia do país puderam alcançar, traduz a grande capacidade de trabalho da nossa equipe, que dedica todo seu empenho, tanto nos casos assistidos pelo Sistema Único de Saúde, quanto nos outros casos”, afinca.

Brito ainda ressalta a sua gratidão ao Dr. Heitor Ghissoni, que foi seu mentor desde a faculdade de medicina. “Me inspirei profissionalmente no Dr. Ghissoni e celebro a grande oportunidade de passar todos esses anos aprendendo com seus ensinamentos. Ele é o grande precursor de tudo isso e o protagonista desse momento”, ressalta.

RECONHECIMENTO - Em janeiro deste ano, o Serviço de Hemodinâmica e Cardiologia Intervencionista do HSI conquistou a mais alta certificação de qualidade nos procedimentos de hemodinâmica e cardiologia intervencionista, conferida pela sociedade Brasileira de Hemodinâmica e Cardiologia Intervencionista (SBHCI), sendo o primeiro da Bahia a receber o reconhecimento. Em todo Brasil, menos de dez serviços de hemodinâmica alcançaram o selo diamante, conferido pela SBHCI em parceria com o IQG - Health Services Accreditation, e considerado o nível máximo de qualidade.

A premiação atesta o compromisso da unidade com a qualidade e segurança na gestão da assistência ao paciente, a qualificação profissional e a melhoria dos processos. Para obter a conquista, o Serviço de Hemodinâmica passou por amplo processo de avaliação, treinamentos, adaptações, aquisições de novas tecnologias e estruturação da equipe de profissionais.