Notícias

Diagnóstico precoce do câncer infantojuvenil salva vidas

Terça, 30 Agosto 2016

Diagnóstico precoce do câncer infantojuvenil salva vidas

Confira o que é e quais os principais sintomas. Quanto mais informação, mais sorrisos!

O câncer infantojuvenil é a primeira causa de morte por doença entre crianças de 1 a 19 anos, atingindo uma média de nove mil novas vítimas por ano no Brasil. Por não ter relação com hábitos de vida, o diagnóstico é um grande desafio. A descoberta precoce ainda é a melhor chance de cura desses pacientes, com taxa de sucesso em torno de 70%.

O Setembro Dourado é uma campanha criada para ampliar o conhecimento sobre a doença, para que pais, responsáveis e profissionais de saúde consigam detectar mais rapidamente os sintomas, podendo, assim, agir a tempo.

 

O que é o câncer infantojuvenil?

O câncer infantojuvenil engloba um grupo de doenças causadas pela proliferação descontrolada de células anormais no organismo. Entre os casos mais frequentes, estão:

• Leucemias

• Tumores do sistema nervoso central

• Linfomas

• Neuroblastoma (tumor de células do sistema nervoso periférico, geralmente na região abdominal)

• Tumor de Wilms (tumor renal)

• Retinoblastoma (tumor da retina, fundo do olho)

• Tumor germinativo (tumor das células que dão origem aos ovários e testículos)

• Osteossarcoma (tumor ósseo)

• Sarcomas (tumores de partes moles)

 

Quais os principais sintomas?

Os sintomas do câncer infantojuvenil podem se confundir com enfermidades menores, comuns na infância. Por isso, é preciso ficar atento à frequência e intensidade desses episódios:

• Palidez, dor óssea, hematomas e sangramentos;

• Caroços ou inchaços, especialmente indolores e não acompanhados de febre;

• Sinais de infecção;

• Tosse persistente ou falta de ar;

• Alterações oculares: embranquecimento da pupila, estrabismo recente, perda visual, hematomas ou inchaço ao redor dos olhos;

• Dores de cabeça incomuns e contínuas.

• Vômitos frequentes pela manhã ou com piora ao longo do dia;

• Dores nos membros, inchaços sem nenhum sinal de infecção ou trauma.

 

Tratamento no HSI

O Hospital Santa Izabel é referência em oncologia e pediatria. Além de oferecer uma infraestrutura completa para o tratamento de neoplasias em crianças e adolescentes, o atendimento é realizado por uma equipe multidisciplinar formada por oncologistas, onco-hematologistas, terapeuta educacional, pediatras, odontólogos, psicólogos, assistentes sociais, enfermeiros e farmacêuticos. Por mês são realizadas mais de 300 consultas.

O HSI mantém o vínculo escolar das crianças com a operação de uma Escola Hospitalar, cujas atividades são coordenadas por professores e pedagogos, através de um convênio municipal, não sendo necessária a interrupção do ano letivo.

Aos pacientes em tratamento oncológico ou cardiopatas oriundos do interior da Bahia e com poucas condições financeiras, oferecemos ainda um acolhimento durante o período de tratamento na Casa da Saúde da Criança Solange Fraga, onde eles recebem seis refeições diárias e apoio psicossocial. Atividades socioeducativas também são direcionadas às famílias. Assim, evitando o abandono do tratamento.

 

Para mais informações sobre o movimento Setembro Dourado acesse:

www.setembrodourado.org.br

www.coniacc.org.br

www.sobope.org.br